Noemi

Do óleo essencial de Cananga odorata cujo principal constituinte é um álcool conhecido como Linalol é possível extrair das flores uma das fragrâncias mais conhecidas no mundo.

O óleo essencial é extraídos das flores (estruras foliares modificadas) de da Canaga odorata também conhecida por “Ylang Ylang” que significa “flor das flores”.

Por definição, pode-se dizer que os óleos essenciais são compostos orgânicos voláteis das plantas. São constituídos de uma mistura complexa de mono, di, sesquiterpenos, taninos, flavonóides entre outros. A extração de óleos esseciais é realizada basicamente por destilação a vapor (soxhlet) ou extração por solventes, das folhas, flores, cascas, caules e raízes.
Propriedades Químicas e Fisico-químicas:
Os principais constituintes do óleo essencial de Cananga odorata são :
marcador de identificação: P-CRESIL METIL ESTER, LINALOL
outros componentes : BENZIL ACETATE, GERANIL-ACETATE, 0- CRESOL, EUGENOL, ISO EUGENOL.
Uso nas fragrância na concentração de 0.5 à 5.0%.
Valor ácido: 2.8 MAX
Insolúvel em Propilenoglicol
Técnicas de extração :
A técnica de extração do óleo essencial neste caso tem caracteristicas especiais por se tratar de uma flor especialmente exótica pela composição química do óleo essencial e da estrutura do vegetal. A técnica é conhecida por enfleurage:

Enfleurage
A enfleurage consiste em usar uma espécie de solvente vegetal para segurar o óleo. No caso de flores frescas, por exemplo, as pétalas são colocadas sobre uma placa de vidro com gordura, que vai absorver o óleo das flores, que são substituídas por flores novas todos os dias, até que a concentração certa seja obtida. Depois de alguns dias, a gordura é filtrada e destilada. O concentrado oleoso que resulta desse processo é misturado ao álcool e novamente destilado. O produto final é o óleo das flores.

A árvore tem distibuição na região tropical que chega a atingir 20 metros de altura. Originária da Ásia tropical, mais precisamente da Malásia, Indonésia e Madagascar, a Cananga odorata pertence à família das Anonáceas.

Trata-se de uma árvore de grande porte e visual peculiar. Nos ramos pendentes, a folhagem macia divide o espaço com grandes cachos de flores caracterizadas pelas pétalas retorcidas e intensamente perfumadas. Essas flores são ricas em um óleo essencial muito usado em perfumaria.

Na ilha de Madagascar existem grandes plantações, de onde é extraído esse óleo e enviado à França para a fabricação de perfumes. As grandes empresas perfumistas do mundo guardam suas fórmulas à sete chaves, entretanto, sabe-se que alguns perfumes fabricados pela Channel, por exemplo, têm, entre seus ingredientes, o óleo de Ylang Ylang.

No Brasil, ainda não existe uma produção comercial de Cananga odorata exclusivamente voltada para a extração de óleo essencial. Comercialmente no município de Bebedouro no interior do estado de São Paulo é possivel encontrar exemplares cujo cultivo é voltado para ornamentação.

Além da utilização na indústria cosmética podemos citar o uso do óleo essencial na aromaterapia tendo associado a ele caracteristicas que auxilam no tratamento de depressão,pressão alta e ansieade.

Na indústria alimentícia pode ser utilizada como flavorizante de bebidas e alimentos.




"Natureza:ame, admire, preserve e respeite..." (John Presley)
Ela vai retribuir da melhor maneira :)




Bibliografia :
Species Profiles for Pacific Island Agroforestry, April 2006. http://www.traditionaltree.org/
Produtora das mudas de Cananga odorata : Maria Rita Furquim: ritafur@terra.com.br
USDA, United States Department of Agriculture, Natural Resources Conservation Service. http://plants.usda.gov/
Noemi

O que é um surfactante?



Os surfactantes são moléculas que possuem atividade detergente. A estrutura química espacial é semelhante a um cotonete onde a parte de algodão seria a extremidade POLAR (solúvel em água) da molécula e a haste flexível seria a parte APOLAR (não solúvel em água) da molécula.



Essa estrutura química que apresenta dupla polaridade interage favoravelmente com as moléculas tanto de água como com as moléculas não solúveis em água ( como os óleos e silicones não solúveis) é responsável pela atividade detergente.

Em muitos surfactante como o Lauril sulfato de Sódio, a porção hidrofílica (que tem afinidade pela água) da molécula é encontrada em uma das extremidades sendo conhecida como “cabeça”.

A porção hidrofóbica (que tem afinidade pelas substâncias não solúveis em água) geralmente contem varios grupos de carbonos conhecidos como cadeia alquílica ou arílica quando apresenta composto aromáticos sendo está porção da molécula conhecida como “cauda


As moléculas surfactantes são classificadas de acordo com o grupo e carga iônica que carregam na porção hidrofílica.

As classes são basicamente: aniônicas (-), catiônicas (+) e não iônicas.

Os surfactantes mais comuns são os aniônicos que apresentam sulfato na estrutura, como o Lauril Sulfato de Sódio e Lauril Sulfato de Amônio, sulfonatos, fosfatos ou carboxilatos na porção da “cabeça”.

Os surfactantes catiônicos mais comuns são os sais de amônio quarternário como as alquil aminas sendo o mais conhecido deles o Cetrimonium Clorídrico.


Fig. 1. Representação esquemática dos diferentes tipos de surfactantes, a estrutura espacial é semelhante, o que diferencia um do outro é o tamanho da “cauda “ e os constituintes da porção “cabeça”





Cetrimonium clorídrico



Lauril sulfato de amônio

Lauril Sulfato de sódio


Fig2 : Estrutura química dos principais surfactantes utilizados na industria cosmética. Ordem de de poder detergente : lauril sulfato de sódio>lauril sulfato de amônio> cetrimonium cloridrico.


Os surfactante com sulfato

O lauril sulfato de sódio e provavelmente o agente surfactante mais comum utilizado nas indústrias de Hair Care e cosméticos. É relativamente uma matéria prima barata, tem rápido poder espumógeno e é um agente de limpeza eficiente.

A porção “cauda” dessa molécula apresenta 12 átomos de carbonos e a forma espacial que várias moléculas dessas se unem (FORMA MICELAR) não apresenta pontos críticos o que representa vantagens para a capacidade de limpeza promovida por essas moléculas juntas.


Estrutura planar de uma micela












Estrutura tridimensional de uma micela em corte transversal.


Os surfactantes com sulfato podem ser irritantes para pele e podem causar quando usados em excesso ressecamento nos cabelos. Por esta razão as fórmulas precisam ter também agente condicionantes e co-surfactantes para minimizar os efeitos indesejados.

O laurete sulfato de sódio é um outro modelo de surfactante baseado na estrutura o Lauril Sulfato de Sódio , mas se organiza espacialmente na forma de grandes micelas que apresentam maior poder de limpeza.

Outros agentes surfactantes que formam micelas maiores são : amônio lauril sulfato, o amônio laurete sulfato e o miristril sulfato de sodio.

Cocoamido sulfato de sódio, é derivado de óleo de coco e é obtido por reações químicas ate chegar ao produto final o sulfato desejado na indústria.



Dica final !

As formulações de shampoos consistem basicamente de agua, surfactante, preservantes.
È interessante evitar o uso de surfactantes com sulfato pois eles são mais agressivos para os fios de cabelo, em especial fios cacheados.

Existem surfactantes no mercado como co cocoamidopropilbetaina específicos para formulações para cabelos cacheados e étnicos que reduzem a tendencia ao ressecamento durante o processo de higienização e limpeza do couro cabeludo e fios.

A maioria das formulações contem aditivos hidratantes como óleos, produtos botânicos e polímeros como os silicones que previnem os danos ao cabelo
A quantidade de cada componente na fórmula também é importante para a aprovação da performance final do produto.
As fórmulas seguem um padrão internacional onde os ingredientes presentes em maior quantidade aparecem primeiro na ordem do rótulo e assim de forma decrescente ate os conservantes que são utilizados em pouquíssimas quantidades.

Se você está a procura de um shampoo mais próximo do perfeito, tente encontrar um que possua na fórmula surfactantes mais suaves, grande quantidade de agentes condicionantes e extratos botânicos.

Evite surfactantes muito fortes no dia a dia como o Lauril sulfato de sódio e laurete sulfato de sódio
Noemi


O óleo essencial da lavanda (do latim "lavare", "lavar") já era utilizado pelos romanos para lavar roupa, tomar banho, aromatizar ambientes e como produto curativo (indicado para insônia, calmante, relaxante, dores, etc.)

O óleo é obtido da destilação das flores, caules e folhas da espécie Lavandula officinalis.

Os principais componentes do óleo de lavanda são linalol (51%) acetato de linalina (35%). Outros componentes incluem a -pineno, limoneno 1,8 - cineol, cis-e trans-ocimene, 3-octanona, cânfora , cariofileno, terpinen-4-ol e lavendulyl acetato e ainda, resina, saponina, taninos e cumarinas

Composição química percentual do óleo essencial de Lavandula angustifolia e Lavandula latifolie obtido por cromatografia :




Bibliografia
A. Prashar, I. C. Locke, C. S. Evans (2004). Cytotoxicity of lavender oil and its major components to human skin cells. Cell Proliferation 37 (3), 221–229.
"Lavender essential oil information". Retrieved on 2007-03-29.

Noemi

Alguns dos ingredientes nos meus produtos têm nomes que se parecem muito com nomes de silicones...

Quais são eles?


Devo ficar preocupada com o modo como elas podem afetar o meu cabelo?


Será que eu estou evitando fortes tensoativos (sulfatos) no meu cabelo ?




São tantos os diferentes ingredientes aprovados para uso em produtos de higiene pessoal e cosméticos, e, por sua vez, as suas denominações INCI (Nomenclatura Internacional dos ingredientes cosméticos) começam a soar de forma semelhante.
Existem várias convenções de nomenclatura química , a INCI é apenas uma dessas convenções.

Vamos simplesmente dar uma olhada em alguns dos ingredientes freqüentemente confundidos com silicones ….


Primeiro de tudo, o que é um silicone?

O silicone é um polímero ou um Oligomero orgânicos.
Alguns apresentam estrutura cíclica e por isso levam nomenclatura que sujerem a forma espacial dessas moléculas como o cyclopentasiloxane, cyclomethicone.


Estas moléculas são utilizadas em uma ampla variedade de produtos, normalmente por sua capacidade de promover superior condicionamento de transmitir brilho intenso.

Muitos consumidores de podutos para cabelos encaracolados e secos, que por sua vez tem a estrutura do fio de cabelo muito delicado, precisam fazer uso freqüente de xampus contendo forte tensoativos ( sufactantes) para remover os silicones aderidos aos fios de cabelos.

Algumas pessoas que estão aderindo a técnica no/low poo precisam evitar produtos que contenham silicones uma vez que a maioria deles como o dimeticone são insolúveis em água (com algumas exceções) e podem causar problemas pois se acumulam na superfície do cabelo.
Ao ler os rótulos dos produtos muitas vezes ficamos confusas a respeito da composição...


Será que esse ingrediente com nome parecido com o nome dos silicones ou esse ingrediente com nome estranho é da família dos silicones?

A estruturas de mômero do silicone está apresentada abaixo ( Monômero = uma unidade) é como se fosse uma pecinha de lego sozinha). (Polimero= reunião de vários monômeros , uma montagem de uma pilha de legos enfileirados)






Estrutura monomérica de uma molécula de silicone - nota a presença de átomos de silício e oxigênio.



A seguir estão alguns exemplos de ingredientes cujos nomes podem gerar confusão para os consumidores preocupados com a presença de silicones nos seus produtos:



5-Bromo-5-Nitro-1,3-Dioxane


Nome comercial = Bronidox é um éter cíclico de seis-membros. Faz parte do grupo de moléculas conhecidas como-oxanes.

Este composto é facilmente confundido pois apresenta nomenclatura semelhante notação usada por muitos silicones.
Bronidox é um conservante antimicrobiano e que é especialmente eficaz contra leveduras e fungos. É um pouco menos solúvel em água do que álcool, mas ele está presente em produtos para os cabelos e formulações dermocosméticas em percentagens tão baixas que não existe qualquer preocupação sobre o acúmulo desse componente sobre o cabelo. Esse componente está permitido para quem utiliza na rotina no-pow/ low pow.

Isothiazolinones: (metilisotiazolinona e methylchloroisothiazolinone)

Metilisotiazolinona (MIT) e methylchloroisothiazolinone são conservantes que normalmente são vendidos e utilizados como uma mistura (nome comercial: Kathon CG).
Eles pertencem a classe das cetonas , um grupo de compostos orgânicos
Como apresentam ones no final do seu nome podem ser confundidos com o nome de alguns silicones.
A função dele nas fórmulas é impedir a contaminação microbiana.Estes produtos químicos são altamente eficazes contra leveduras, fungos, e ambas bactérias Gram-negativas e Gram positivas.
Estes conservantes são hidrossolúveis. (solúveis em água) e são utilizados em baixissimas quantidades nas fórmulas

Isododecane, Isohexadecane

Estes ingredientes são alcanos ramificados (-ANE). São moléculas composta apenas por carbono e hidrogénio. Isodocane e isohexadecane são moléculas pequenas, apresentam estutura ramificada e são quimicamente muito puras devido à sua origem sintética. Estes não são hidrocarbonetos subprodutos olefinicos derivados do petróleo. São obtidos por sintese através de processos altamente avançados.

Eles são usados em produtos cosméticos devido à sua baixa toxicidade, baixa irritação da pele, ausência de cor e odor. Isododecane pode ser usado como solvente (agentes solubilizantes) para o moléculas que apresentam maior peso molecular e são insolúvel em água, como por exemplo os silicones.

Isohexadecane é valorizado pela sua natueza não gordurosa ou pegajosa. Apresenta apreciál capacidade de transmitir um toque sedoso e textura suave para a pele e cabelos. Apresenta excelente espalhabilidade tanto para pele quanto para o cabelo.
Nenhuma dessas moléculas é um silicone, mas ambos são insolúveis em água. Devido à sua estrututra ser relativamente simples e compacta. Não é de se esperar problemas com o acúmulo se estivermos usando um condicionador de boa qualidade e realizarmos uma limpeza rotineira.

Quando tive em dúvida sobre o ingrediente no seu cosmético favorito procure um amigo ou peça auxilio a um farmacêutico! Ficamos sempre felizes em responder perguntas




Marcadores: 2 comentários | edit post
Noemi
"Os antioxidantes e ácidos graxos essenciais trabalham sinergicamente para combater a inflamação."


" Os ácidos graxos essenciais presente atuam como agentes hidratantes, há também na composição potentes antioxidantes polifenóis, e quase três vezes a quantidade de vitamina E do azeite de oliva. "




Riqueza diretamente do Oriente




Quais os antioxidantes presentes no Óleo de Argan?

Carotenóides, polifenóis, ácido ferúlico, esqualeno e vitamina E são poderosos antioxidantes presentes em todos os Óleos de Argan . A melhor maneira de proteger uma célula de radicais livres de danos é um antioxidante eficaz de estar presentes dentro e fora da célula . A vitamina E é um dos mais importantes antioxidantes que podem impedir a ocorrência das reações iniciada por radicais livres. Os efeitos anti-envelhecimento são directamente atribuídos a natureza da combinação única de especial desses compostos antioxidantes.

Porque Óleo de Argan Óleos atua no Anti-envelhecimento da pele ?

A composição única de ultra-hidratante ácidos graxos essenciais (omega's 6 e 3), antioxidantes e vitamina E. agem promovendo a restauração das camadas da epiderme e impedindo a ação oxidadativa dos radicais livres.

O que é um antioxidante? Como é que uma luta um antioxidante contra os radicais livres?

Antioxidantes são moléculas que podem assumir muitas formas, incluindo proteínas, enzimas, vitaminas e metabólitos. Essas moléculas são capazes de se combinar com os radicais livres e estabilizá-los, tornando-os inofensivos.

Qual é a inflamação e as propriedades do Óleos de Argan para imflamações da pele?

Qualquer lesão, infecção ou reação alérgica na pele irá obter uma resposta inflamatória. Curiosamente, todas as respostas inflamatórias podem implicarar na atividade de radicais livres.

A presença de carotenóides, polifenóis, ácido ferúlico, esqualeno, vitamina E terá a função de inibir a atividade dos radicais livres.

Os polifenóis também são agentes anti-inflamatórios e anti-alérgicos .

Ácidos graxos essenciais ajudam a gerir desordens inflamatórias e que são necessárias para a produção de prostaglandina, um composto produzido por enzimas dentro da célula que é natural da resposta inflamatória.

Que componentes do Óleo de Argan ajudam a proteger pele da radiação ultravioleta prejudicial?

Os ácidos graxos essenciais , carotenóides, polifenóis, esqualeno, ácido ferúlico e vitamina E auxiliam na proteção das células da pele dos raios nocivos.

Ácidos graxos essenciais protegem a membrana celular e DNA de danos induzidos por exposição a radiação UV.

Carotenóides e esqualeno pode desativar os radicais livres de oxigênio singleto.
Este radical livre, quando expostas à radiação do Sol, torna-se ativado e, portanto, extremamente destrutivo.

Ácido ferúlico quando sob exposição à luz ultravioleta na tema capacidade de aumentar o seu potencial antioxidante

Além disso, é agora bem estabelecido que a vitamina E reduz dano tecidual causado pela luz ultravioleta e aumenta a taxa de cura.

Que elementos presentes auxiliam na manutençao da umidade e taxa de evaporação afim de manter a pele hidratada?

Perda de água através da evaporação da pele é aumentada quando a barreira da pele é perturbada por lesões, poluentes ambientais, radiação UV, e stress.

Estudos realizados nos últimos anos têm revelado que embora água desempenhe um papel importante na manutenção da pele úmida e maleável. A capacidade das principais camadas da pele para resistir à perda de umidade depende da presença de ácidos graxos essenciais.
Óleos de Argan ricos em vitamina E, esqualeno, e esteróides são também fatores importantes para a retenção e restauração da umidade.

O Esqualeno é um nutriente rico e é importante porque tem a capacidade única para ancorar-se na membrana das celulas e, portanto, proteger contra a perda umidade no local de cada célula.
Os esteróides trabalham sinergicamente mimetizando os esteróides humanos na promoção de retenção de umidade na pele e auxiliam na recuperação da função da barreira transepidérmica.

Como o óloe de Argan é capaz de ser absorvido tão profundamente?

É facilmente absorvido pela pele, devido à sua composição única.

Esqualeno pode penetrar mais profunda e mais facilmente do que a maioria dos outros óleos, devido à sua compatibilidade com a os próprios óleos naturais hidratantes da pele humana.

A pele humana é composta de óleos naturais e o esqualeno representa 25% de sua composição.

OS Esteróides encontrados no Óleo de Argan penetram rapidamente porque sua estrutura é muito semelhante aos esteróides da composição da pele humana e são o principal componente da camada exterior da pele.

Ácidos graxos essenciais são como blocos de construção da membrana celular e, portanto, o ômega é encontrado em óleo de Argan pode ser metabolizada e equiparados diretamente na pele.

O Óleo de Argan é comedogênico ( tem a capacidade de entupir poros) ?

Não, os Óleos de Argan não são comedogênicos devido à sua capacidade de ser completamente absorvida e assimilada na pele.